12°C
Scattered clouds

Câmara de Odemira alvo de ciberataque que afetará serviços nos “próximos dias”

Câmara de Odemira alvo de ciberataque que afetará serviços nos “próximos dias”

O funcionamento dos serviços municipais da câmara de Odemira vai estar comprometido nos próximos dias, anunciou ontem a autarquia, que revelou ter sido alvo de um ataque informático que está a ser investigado pela Polícia Judiciária (PJ).

Em comunicado publicado na sua página na Internet na noite de ontem, o município anunciou que o ataque informático de que foi alvo aconteceu no sábado e “comprometerá nos próximos dias o normal funcionamento dos serviços municipais”.

“Conforme procedimento definido neste tipo de situação, foi prontamente comunicado o ocorrido ao Centro Nacional de Cibersegurança e apresentada queixa-crime junto da Polícia Judiciária (PJ)”, pode ler-se no comunicado publicado no ‘site’ da câmara.

Contactado pela agência Lusa, o presidente do Município de Odemira, Hélder Guerreiro, revelou que o ataque informático “atingiu os servidores” da autarquia e “afetou todos os serviços municipais, genericamente”.

“Se foram ou não expostos dados de pessoas ou entidades que interagem com o município é algo que ainda não conseguimos avaliar neste momento”, disse o autarca.

O autarca referiu à Lusa que o ataque afetou “as funcionalidades internas e externas da câmara”, mas a página de Internet do município e as páginas camarárias nas redes sociais não foram atingidas e estão a funcionar normalmente.

Além de ter sido apresentada a queixa-crime junto da Polícia Judiciária e comunicada a situação ao Centro Nacional de Cibersegurança, o ocorrido foi ainda reportado à Comissão Nacional de Proteção de Dados, indicou Hélder Guerreiro.

De acordo com o comunicado camarário, desde sábado que “estão em curso ações de diagnóstico, por parte dos serviços municipais em colaboração com as referidas entidades, para perceber a extensão do ataque”.

Estão ainda a ser “diligenciadas as ações necessárias para repor, o mais rapidamente possível, o normal funcionamento dos serviços”, insistiu o município, com o presidente da Câmara a vincar: “Poderá haver alguns constrangimentos durante a próxima semana, mas estamos a tentar restabelecer os serviços o mais breve possível”.

No comunicado publicado no ‘site’, a autarquia disse lamentar o sucedido e solicitou aos munícipes e entidades “a melhor compreensão ao longo dos próximos dias”, atendendo ao “funcionamento limitado dos serviços municipais”.

Rádio Pax / Lusa

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
4
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades
8
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja

Recomendado para si

Incorpora
28/05/2024
Programa Incorpora já apoiou cerca de 370 pessoas em Beja
28/05/2024
Painel de azulejos recolocado na Piscina Descoberta de Beja
28/05/2024
Câmara de Alvito oferece cal
28/05/2024
Banco Alimentar de Beja recolheu 21 toneladas de alimentos 
Mértola
27/05/2024
Escola de Mértola tem Clube de Ciência Viva
27/05/2024
IPBeja promove rastreio de doenças sexualmente transmissíveis
Mértola
27/05/2024
Unidade Móvel volta a cuidar dos pés em Mértola
Desemprego
27/05/2024
Beneficiários de prestações de desemprego aumentaram em Beja