Castro Verde comemora 6ºaniversário do Cante como Património da Humanidade

Castro Verde comemora, nesta sexta-feira, o VI Aniversário da Classificação do Cante Alentejano como Património Cultural Imaterial da Humanidade, data simbólica para o Alentejo que veio elevar este bem identitário e contribuir para a sua divulgação a uma escala internacional.

Como forma de assinalar a data, a Câmara Municipal de Castro Verde promove um conjunto de iniciativas. Esta tarde, decorre a Sessão Pública de Apresentação do Livro “DESCANTES” da autoria de José Francisco Colaço Guerreiro, pelas 18:00 horas, no Fórum Municipal de Castro Verde, que conta com a presença de Janita Salomé, que assina o prefácio desta obra.

“DESCANTES” reúne um conjunto de textos sobre o Cante, escritos, comunicados e publicados durante vários anos, em colóquios e na imprensa regional. Uma edição do Grupo Narrativa, integrada na coleção “Falas Alentejanas”, que conta com o apoio do Município de Castro Verde, e que é ilustrada por Joaquim Rosa.

A sessão que cumpre as orientações da DGS tem assistência limitada e será transmitida online através da página do município no Facebook.

Ainda no âmbito das Comemorações, a partir da próxima segunda-feira, dia 30 e até 6 de dezembro, serão disponibilizados na página de Facebook da autarquia de Castro Verde, dois vídeos diários do projeto O Cante na Escola – “A Nossa Moda”, num total de 14 modas interpretadas pelas crianças das escolas do concelho.

As Comemorações do VI Aniversário da Classificação do Cante Alentejano como Património Cultural Imaterial da Humanidade são uma organização da Câmara Municipal de Castro Verde e têm a colaboração do Grupo de Trabalho do Cante e do Agrupamento de Escolas de Castro Verde.