Castro Verde inicia Assembleias Participativas

Em Castro Verde já teve início o conjunto de Assembleias Participativas para apresentação de propostas para o Orçamento Participativo 2021.

O Fórum Municipal de Castro Verde recebeu na terça-feira, a primeira de cinco Assembleias.

Por sua vez, Entradas recebe hoje, no Centro recreativo, mais uma sessão.

Segue-se S. Marcos da Atabueira, a 9 de junho no Centro Cultural, Santa Bárbara dos Padrões, a 16 de junho e por último Casével, a 18 de junho no Centro Cultural.

As propostas podem também ser apresentadas online, até ao dia 30 de junho, através da plataforma em http://op.cm-castroverde.pt/.

De acordo com o município, a iniciativa tem como objetivo “aproximar os munícipes das políticas públicas municipais através da recolha e integração de propostas de utilidade coletiva no Orçamento Municipal para o próximo ano, estando definido um total de 40 mil euros para as ações de 2021”.

As propostas a apresentar pelos munícipes devem incidir em áreas como Espaço público, Espaços verdes, Higiene Urbana, Cultura e Desporto, Acão Social e Saúde, Educação e Juventude, Modernização Administrativa, Trânsito, Infraestruturas e Mobilidade, Turismo e Desenvolvimento Económico, Ambiente, Segurança e Proteção Civil.

Podem participar todos os cidadãos, com idade igual ou superior a 16 anos, estudantes, residentes ou recenseados no concelho, e assenta num modelo de carácter deliberativo, dividido em dois períodos: na primeira fase os cidadãos são convidados a apresentar as suas propostas de investimento público e, numa fase posterior, decidem, através de votação, as propostas vencedoras a incluir no Orçamento Municipal para 2021.