CDU de Moura apresenta propostas para viabilização do Orçamento 2022

Os eleitos da CDU na Assembleia Municipal e na Câmara Municipal de Moura, votaram contra o Orçamento e as Grandes opções do Plano para 2022, tal como tinham feito em 2019, 2020 e 2021.

Em nota de imprensa, a CDU frisa que “a falta de projeto e a falta de estratégia do executivo” socialista “não se alterou depois das eleições autárquicas e que a pouca ambição destes documentos vai conduzir o concelho de Moura a um cenário desastroso”.

Nesse sentido, no âmbito de uma postura construtiva e da defesa dos interesses dos habitantes do concelho de Moura, a CDU apresentou à Câmara Municipal, seis propostas para a viabilização do Orçamento e Grandes opções do Plano para 2022.

André Linhas Roxas, da Comissão Coordenadora da CDU de Moura, destaca algumas das propostas apresentadas.

Segundo os comunistas, tratam-se de “propostas realistas, de interesse comum e financeiramente sustentáveis, pois não aumentam a despesa prevista no orçamento”.

Além disso, a CDU apresentou, também, quatro recomendações sobre a gestão do município e proposta para a viabilização do Mapa de Pessoal.

A mesma fonte adianta que “as propostas apresentadas não pretendem intervir em opções fundamentais e não traduzem, na sua totalidade, o que seria um orçamento elaborado sob a responsabilidade da CDU”.

A CDU afirma, ainda, estar “disponível para reuniões de trabalho que permitam melhorar o orçamento e plano para 2022”.