12°C
Scattered clouds

Chamas destroem 175 hectares e 20 colmeias em Almodôvar e Ourique

Chamas destroem 175 hectares e 20 colmeias em Almodôvar e Ourique

Cerca de 175 hectares de pinhal, eucaliptal e mato arderam e 20 colmeias foram destruídas pelo incêndio que deflagrou, na quarta-feira, no concelho de Almodôvar, distrito de Beja, revelou hoje o presidente da câmara municipal.

Em declarações à agência Lusa, numa altura em que as autoridades estão em trabalhos de rescaldo e vigilância, António Bota indicou que a área queimada se refere a este concelho alentejano e ao município vizinho de Ourique.

“São números aproximados de cerca de 95 hectares em Almodôvar e outros 80 em Ourique”, precisou o autarca, referindo que se trata de uma medição preliminar feita pelas autoridades através de drone.

Assinalando que não há registo de casas ardidas, António Bota adiantou que as chamas destruíram, além da área florestal, cerca de 20 colmeias que se encontravam no campo.

“É sempre de lamentar, porque já é difícil esta atividade e, com este prejuízo, ainda mais difícil se torna”, frisou.

Quanto aos dois homens que ficaram feridos no combate às chamas, o presidente do município realçou que um bombeiro foi atingido pela descarga de água de um helicóptero e foi hospitalizado com duas costelas partidas.

“Um presidente de junta que andava também a ajudar no combate ao incêndio acabou com queimaduras de primeiro e segundo grau após o contacto com as chamas e com equipamentos quentes”, acrescentou.

Também em declarações à Lusa, José Horta, 2.º comandante do Comando Sub-Regional de Emergência e Proteção Civil do Baixo Alentejo, disse que os trabalhos de rescaldo e vigilância mobilizavam, às 11:30, 220 operacionais e 76 viaturas.

O incêndio, que deflagrou na quarta-feira à tarde no concelho de Almodôvar e que chegou a ter três frentes ativas e a mobilizar 375 operacionais, foi dado como dominado às 22:15 de quarta-feira.

Fonte do Comando Territorial de Beja da GNR disse à Lusa que um incêndio numa autocaravana que circulava na Autoestrada 2 (A2) terá provocado o fogo neste concelho do Baixo Alentejo.

A mesma fonte explicou que, na sequência do incêndio numa autocaravana, “as chamas alastraram e pegaram à berma”, tendo depois progredido para a zona de mato, eucaliptos e pinheiros.

O alerta para o incêndio foi dado às 12:02 e durante a tarde o fogo obrigou ao corte da A2, em ambos os sentidos, mas a circulação já foi retomada.

Radio Pax / Lusa

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
3
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja
8
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades

Recomendado para si

20/03/2024
Equipamento de Ressonância Magnética é hoje inaugurado em Beja
01/09/2023
Moura apela à separação seletiva dos biorresíduos
01/09/2023
Ivandro sobe ao palco na “Feira Anual de Cuba”
01/09/2023
Castro Verde: “Festival Castro Mineiro” arranca esta sexta-feira
01/09/2023
Odemira promove “Setembro, uma imersão cultural”
01/09/2023
“Quinteto Quebra Tudo” e “Latin Jazz” no primeiro dia do “Be Jazz”
01/09/2023
Serpa e Vasco da Gama de Vidigueira deslocam-se ao Barreiro
29/08/2023
Executivo promove “precariedade laboral” diz CDU de Beja