CIMBAL reclama mais verbas do Programa de Apoio à Redução Tarifária

A CIMBAL – Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo aderiu, este ano, ao Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART), que prevê apoiar a redução do preço dos transportes públicos.

“Contudo, atendendo aos objectivos do PART, (…) em ser uma ferramenta de coesão territorial e um modelo de financiamento que garanta a equidade entre as Áreas Metropolitanas de Lisboa e Porto e o restante território nacional” a CIMBAL, entende “que a distribuição de verbas consignada não contribui para o cumprimento desse propósito”.

Enquanto que Lisboa e Porto têm uma ajuda de “88 milhões de euros, a CIMBAL tem apenas 246 mil euros de verba para aloucar ao programa PART”, salienta Jorge Rosa, presidente da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo.

A CIMBAL considera “injusta a verba atribuída” e “reclama um reforço substancial da mesma”.

A Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo entende que a “redução dos tarifários suportados pela população deverá ter maior incidência no Baixo Alentejo e um impacto positivo no esforço financeiro das famílias, com os transportes”.