Desemprego caiu 18,8% no Alentejo

O número de desempregados inscritos nos centros de emprego do Alentejo recuou em agosto passado 18,8% comparativamente com período homólogo. Face ao mês anterior (julho) caiu 3%. Os dados são Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

No mês passado estavam inscritos nos centros de emprego da região 14 741 indivíduos, menos 3 415 do que em agosto do ano passado.

O Algarve e o Alentejo foram as duas regiões do país onde se verificou a maior queda do desemprego, revela o Instituto do Emprego e Formação Profissional.

Em agosto nos centros de emprego do continente e regiões autónomas estavam inscritos 368 404 indivíduos. No país o número de desempregados inscritos caiu em agosto passado 10% em termos homólogos. Face ao mês anterior desceu 0,1%.

O desemprego atingia, sobretudo, “trabalhadores não qualificados” (24,8%); trabalhadores dos serviços pessoais, de proteção segurança e vendedores” (21,6%) e “Pessoal Administrativo” (11,8%).