GNR detectou 328 infracções

O Comando Territorial de Beja da GNR detectou, na semana passada, 328 infracções, a maioria relacionadas com tacógrafos, por excesso de velocidade, por falta de inspecção periódica obrigatória, por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, por falta ou incorrecta utilização do cinto de segurança e/ ou sistema de retenção para crianças, por uso indevido do telemóvel durante a condução e por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

No relatório semanal enviado à Rádio Pax, a Guarda Nacional Republicana anuncia ainda a detenção de dez indivíduos por condução sob o efeito do álcool, três por condução sem habilitação legal e um por tráfico de estupefacientes.

Os militares apreenderam sete doses de cocaína, 95 sementes de cannabis, 11 plantas de cannabis, três telemóveis, uma arma branca e uma máquina de jogo de fortuna e/ou azar.

Nas estradas do distrito de Beja, a Guarda Nacional Republicana registou 34 acidantes, dos quais resultaram quatro feridos leves.

No que diz respeito à fiscalização geral, foram efectuados 16 autos de contra-ordenação no âmbito da legislação da protecção da natureza e do ambiente e dois no âmbito da legislação policial.

Em matéria de sensibilização foi realizada uma acção dirigida aos idosos.