GNR tem na estrada operação “Smartphone, Smartdrive”

Através da operação “Smartphone, Smartdrive” a GNR quer “prevenir a sinistralidade rodoviária associada a este tipo de infracção”.

A utilização incorrecta e o manuseamento de telemóveis, tablets, ou dispositivos similares, acarreta, segundo a GNR, riscos como a distracção visual, a limitação motora e o condicionamento cognitivo.

No distrito de Beja a Guarda Nacional Republicana contabilizou 356 infracções no último ano.