12°C
Scattered clouds

Município de Barrancos cria “Programa Oportunidades”

Foto: CM Barrancos
Município de Barrancos cria “Programa Oportunidades”

A Câmara Municipal de Barrancos implementou um novo “Programa Oportunidades”.

De acordo com a autarquia, este projeto pretende combater “o despovoamento, envelhecimento e evitar o empobrecimento no concelho de Barrancos, através da criação de um conjunto de medidas integradas num programa de apoio e promoção, na área do emprego a pessoas singulares” e conceder “apoios a entidades públicas e privadas”.

O regulamento do programa foi agora publicado em Diário da República e a Câmara tem em curso o período de discussão.

Os interessados podem enviar as sugestões e propostas à Câmara nos próximos 30 dias, através de formulário disponível no site do município na internet.

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
4
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades
8
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja

Recomendado para si

28/05/2024
Beja: Chega em campanha para as Europeias em Ourique
28/05/2024
CDU em campanha em Barrancos
28/05/2024
Maria João Ganhão é candidata à secção de Beja do PS
27/05/2024
Europeias: Chega arrancou campanha no sudoeste alentejano a defender maior controlo da imigração
27/05/2024
Paulo Arsénio avança com candidatura à concelhia de Beja do PS
27/05/2024
Sebastião Bugalho visita Moura
27/05/2024
Europeias: CDU em campanha no concelho de Ourique
25/05/2024
Ceia da Silva diz que é necessário “lutar” por melhores acessibilidades