PCP diz que CDU é “uma grande força autárquica no Alentejo”

A Direcção Regional do Alentejo do PCP analisou os resultados das últimas eleições e concluiu que a CDU é “uma grande força autárquica no Alentejo”.

Em Nota de Imprensa enviada às redacções, o PCP frisa que a Coligação Democrática Unitária conseguiu a presidência de 14 municípios e 81 freguesias na região.

Para o PCP, “a perda de 5 presidências de Câmaras Municipais (Alandroal, Barrancos, Beja, Castro Verde e Moura), não deixará de constituir uma perda para as populações, os trabalhadores, para o serviço público, a cultura e o poder local democrático”.

A Direcção Regional do Alentejo do PCP considera que a campanha para as autárquicas “ficou marcada por um quadro de hostilização, de mentira e de desvalorização da obra e trabalho da CDU, de utilização do aparelho de Estado por parte do Partido Socialista, com destaque para a deslocação de ministros e secretários de Estado, ocultando posicionamentos contrários aos interesses da Região e da sua população como aconteceu, entre outros, com o seu voto contra a reposição de freguesias proposto pelo PCP na Assembleia da República”.

O PCP assegura que “os eleitos e activistas da CDU, em minoria ou maioria nos órgãos autárquicos prosseguirão a sua acção, assumindo os compromissos com o povo e os trabalhadores”.