PCP reafirma luta pela reposição das freguesias

O PCP incentiva a acções junto da Assembleia da República para que a reposição tenha efeitos nas eleições autárquicas de 2017.

O Projecto de Lei que propõe a reversão da reorganização administrativa foi apresentado pelo Grupo Parlamentar do PCP. Os comunistas afirmam no documento que, “contrariamente à enorme propaganda política, a extinção de freguesias não correspondeu ao reforço da coesão territorial, mas sim ao aumento das assimetrias regionais já existentes”.

Miguel Ramalho, membro da DORBE do PCP, lembra que o distrito perdeu um quarto das suas freguesias contra a vontade da generalidade dos órgãos autárquicos. Miguel Ramalho espera dos partidos que manifestaram intenção de reverter a extinção uma “posição coerente”.

A reorganização administrativa atingiu, no plano distrital, os concelhos de Aljustrel, Almodôvar, Beja, Ferreira do Alentejo, Mértola, Moura, Ourique e Serpa.