12°C
Scattered clouds

PSD/Congresso: Distrital de Beja quer partido como “verdadeira laranja mecânia”

PSD/Congresso: Distrital de Beja quer partido como “verdadeira laranja mecânia”

O PSD/Beja vai levar ao congresso nacional social-democrata uma moção em que defende que o partido se torne “uma verdadeira laranja mecânica” e se abra “a todo o espetro não socialista, desde que moderado”.

A moção, à qual a agência Lusa teve hoje acesso, diz que o partido deve ter “agilidade suficiente” para se abrir “a todo um espetro não socialista, desde que moderado”.

Atendendo a esse objetivo e para que o PSD se assuma “como um grande partido”, é preciso “encontrar um discurso convincente, acutilante, motivador e apresentar um partido disruptivo na ação e moderno na organização”, pode ler-se no texto.

É preciso “assumir que há partidos que se agigantaram, enquanto nós estagnámos, e replicar algumas boas práticas, fazendo com que nos tornemos numa verdadeira laranja mecânica, em vez de olharmos para o lado e nos resignarmos a lamentar a mecânica dos outros”, afirma.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Distrital de Beja do PSD, Gonçalo Valente, explicou hoje que o documento, aprovado por unanimidade na Assembleia Distrital, no final da semana passada, lança “um conjunto de propostas para modernizar o partido”.

“Devido à fase que o partido atravessa, achámos que deveríamos lançar estas propostas, em jeito de repto, que visam melhorar as dinâmicas internas”.

No documento, é sugerido também ao partido “uma franca reflexão sobre o percurso nos últimos 20 anos”, com a distrital a defender que os sociais-democratas têm que “estar disponíveis para despertar”, ou seja: “Não é mudar quem somos, despertar é mudar quem não somos”.

O PSD/Beja defende ainda que é preciso avançar com a reforma do sistema eleitoral, “sucessivamente adiada” apesar de ser “enunciada por todos os partidos e governos”.

Gonçalo Valente disse que, para distritos do interior como o de Beja, “o maior do país” em área, mas que “só elege três deputados”, é importante introduzir “outros critérios” que “minorem os efeitos da perda de população”.

“O único fator de avaliação atual é a densidade populacional, mas devemos acrescentar a essa equação mais alguns itens, para que o sistema eleitoral seja mais justo e o território não perca representatividade”, disse, sugerindo um segundo círculo eleitoral nacional.

A moção reclama também que o PSD nacional esteja “alinhado” com algumas ‘bandeiras’ regionais, como a do avanço da 2.ª fase de ampliação do Hospital de Beja, projeto em que o partido “até já se absteve”, o que causou “algum constrangimento” às estruturas locais.

O aproveitamento do Aeroporto de Beja para voos de passageiros como alternativa aos aeroportos “sobrelotados” de Lisboa e Faro é igualmente defendido pela distrital.

O 40.º Congresso do PSD decorre de sexta-feira a domingo, no Porto.

Rádio Pax / Lusa

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
4
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja
8
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades

Recomendado para si

Parlamento
21/06/2024
Parlamento lamenta morte de piloto espanhol durante festival aéreo de Beja
21/06/2024
STAL promove Tribuna em defesa dos serviços públicos
Assembleia
20/06/2024
Assembleia Municipal de Beja reúne-se hoje
19/06/2024
Moura inaugura Estação Náutica
turismo
19/06/2024
Secretário de Estado do Turismo no Baixo Alentejo
19/06/2024
CIMBAL abre concurso para refeições escolares
18/06/2024
Gonçalo Valente acusa deputada do Chega de “levar ao engano os baixo alentejanos”
14/06/2024
ACOS recebe voto de congratulação da AR pela organização da 40ª Ovibeja