Salvada: Festejou 100 anos com irmãos, filhos, netos e bisnetos

Tio Pardal, como é conhecido na aldeia, ainda fez a 3ª classe depois, teve que ir trabalhar.

Sábado foi dia de festa na Salvada, aldeia do concelho de Beja, com a festa de aniversário de um filho da terra. O tio Pardal completou 100 anos de vida, cheio de energia e boa disposição.

A festa, que juntou família, amigos e vizinhos, realizou-se na rua, junto à taberna onde trabalhou e serviu os amigos ao longo de 60 anos.

“Na altura vendia vinho à parva, foi aí que tomei asas”, revelou o aniversariante. “Naquele tempo trabalhava-se muito e mesmo assim havia fome”, desabafou.

O tio Pardal dividiu a sua actividade entre o trabalho do campo e a exploração de uma das poucas tabernas da aldeia. “Comprava a uva e fazia o vinho. Bom vinho”, garante.

“Neste momento deve ser a pessoa mais idosa aqui da região”, revelou Sérgio Engana, presidente da freguesia. O autarca fez questão de estar presente na festa de aniversário “principalmente como amigo da família”.