Sector do azeite reunido em Beja

No auditório principal do Instituto Politécnico de Beja estão reunidos especialistas de diferentes países que vão ao longo do dia partilhar os seus conhecimentos sobre o azeite.

A organização é da ACOS – Associação de Agricultores do Sul, do IPBeja e do CEBAL – Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-alimentar do Alentejo. O simpósio surge no âmbito do 6.º Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja.

Temas como o azeite e a saúde, a produção olivícola e a transformação da azeitona vão estar na ordem de trabalhos.

A organização do simpósio considera que o sector do azeite é “cada vez mais importante para o país nas fileiras agro-alimentares” onde o Alentejo se vem destacando “como região de excelência”.

Manuel Castro e Brito, da ACOS, sublinha que o distrito é o maior produtor de azeite nacional. “Estamos no centro nevrálgico da olivicultura e do azeite e o simpósio vai ser um sucesso”, considera o mesmo responsável.