12°C
Scattered clouds

“Sociedade Inclusiva” discute problemas dos profissionais das IPSS’s

“Sociedade Inclusiva” discute problemas dos profissionais das IPSS’s

”Os profissionais das IPSS” é o tema do programa “Sociedade inclusiva” da Rádio Pax.

Na edição desta quinta-feira são convidados: Sónia Nunes, Diretora Técnica do Lar Residencial de Ourique da CERCICOA; Ana Ferreira, Encarregada geral do Lar Residencial de Ourique da CERCICOA; Diana Braz, Diretora Técnica do Lar Residencial e Residência Autónoma de Almodôvar da CERCICOA; Mónica Ramos, Encarregada geral do Lar e Residência Autónoma de Almodôvar da CERCICOA e Ana Filipa Guerreiro, Diretora técnica do Centro de Atividades e Capacitação para a Inclusão da CERCICOA.

O programa, no ar a partir das 18 horas, estará também disponível na página da Rádio Pax.

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
4
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades
8
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja

Recomendado para si

NERBE/AEBAL
20/05/2024
Nova direção do Nerbe/Aebal toma posse
20/05/2024
Santa Casa assinala Dia Internacional dos Museus em Beja
20/05/2024
Rede de Museus do Baixo Alentejo tem novo grupo coordenador
20/05/2024
EDIA mostra “o fogo e a água”
Odemira
20/05/2024
Odemira prossegue com Semana Aberta nas Freguesias
20/05/2024
Jornada da Caça de maio recebe inscrições em Mértola
Aeroporto
20/05/2024
Empresários dizem que região não pode ser “esquecida” pelo governo
Alentejo
20/05/2024
Doenças do aparelho circulatório são as que mais matam no Alentejo