STAL apresenta exigências ao Governo

No documento o STAL denuncia o que diz ser a “degradação das condições de trabalho e de vida dos portugueses”.

O Sindicato apresenta um conjunto de reivindicações que passam pelo “cumprimento das normas de segurança e saúde nos locais de trabalho”;  “reposição das competências da Autoridade para as Condições de Trabalho para a Administração Local”; a “penalização das entidades empregadoras em incumprimento e criminalização de práticas de incúria e negligência” e a “reestruturação dos sistemas relativos aos acidentes de trabalho e doenças profissionais”.