Tribunal de Contas autoriza empréstimos à Câmara de Beja

A Câmara de Beja, recebeu, na semana passada, o Visto do Tribunal de Contas que autoriza a utilização de três empréstimos, junto do Banco Europeu de Investimentos.

A autarquia pediu um empréstimo de cerca de 433 mil euros para as obras da Piscina Descoberta a iniciarem-se no primeiro semestre de 2020.

Para os percursos acessíveis no Centro Histórico, a Câmara de Beja solicitou junto do Banco Europeu um valor superior a 288 mil euros. A obra iniciar-se-á em Janeiro no próximo ano.

O Município pediu ainda um empréstimo de mais de 161 mil euros para a Zona de Acolhimento empresarial Norte.

Segundo a autarquia estas quantias são “fundamentais para cobrirem uma parte da contrapartida nacional não financiada nestes projetos/obras”.

Na semana passada, a Câmara recebeu ainda o pagamento de fundos comunitários da obra de requalificação do Largo da Estação de Beja, no valor de cerca de 58 mil euros e uma tranche da requalificação do Largo do Rossio de Beringel no valor de 15 mil euros.