Feira do Porco Alentejano foi um sucesso (fotogaleria)

Em Ourique fechou ontem as portas a XII Feira do Porco Alentejano.

O presidente da Câmara de Ourique, entidade promotora da iniciativa em conjunto com a Associação de Criadores do Porco Alentejano, não tem dúvidas que a feira foi mais um “grande momento para afirmação de Ourique como Capital do Porco Alentejano”.

Marcelo Guerreiro está satisfeito com o sucesso do certame.

“Este é um trabalho que o município, com a Associação de Criadores do Porco Alentejano, tem feito para promover a fileira [do porco alentejano]”, adiantou.

No entender do autarca, é necessário “continuar a valorizar, apostar e promover” o porco alentejano, pois trata-se de um produto “internacional”.

Mais de 90% da produção é exportada pelo que a fileira “contribui fortemente para o crescimento do país e para o equilíbrio da balança comercial”, garantiu o autarca.

Marcelo Guerreiro defende a necessidade de “abrir novos mercados” externos e cita o caso de um empresário português, radicado nos Estados Unidos, presente na Feira, que vai exportar para aquele país.

Marcelo Guerreiro defendeu ainda que as novidades introduzidas na programação da feira foram uma “aposta ganha”. O certame promoveu uma rota pelo montado e uma exposição de exemplares de porco de raça alentejana.