GNR na estrada no combate ao excesso de velocidade

A acção abrange todos os comandos territoriais. Em 2013, na mesma operação, foram controlados cerca de 290 mil condutores. Mais de 5 mil circulavam em excesso de velocidade.

Apesar da melhoria registada nos níveis de sinistralidade rodoviária, com menos acidentes, menos vítimas mortais e menos feridos, os números continuam a ser preocupantes. O excesso de velocidade e a velocidade excessiva são uma das principais causas da sinistralidade grave.