12°C
Scattered clouds

Ministro das Infraestruturas garante obra do IP8 até Beja até junho de 2026

Ministro das Infraestruturas garante obra do IP8 até Beja até junho de 2026

A finalização da execução do IP8 até Beja, até junho de 2026, a requalificação de estradas nacionais, no Baixo Alentejo e a conclusão, até 2025, do troço ferroviário Casa Branca-Beja foram algumas das garantias deixadas pelo Ministro das Infraestruturas e Habitação, numa reunião da CIMBAL, que decorreu na passada segunda-feira.

Jorge Rosa, presidente da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo reuniu-se, com recurso a teleconferência, com o Ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos. Nesta reunião foram discutidos vários temas relacionados com a habitação e as acessibilidades físicas e digitais.

Relativamente às acessibilidades físicas, em particular, à rodovia, Pedro Nuno Santos afirmou que “está garantida a finalização da execução do IP8 até Beja, até junho de 2026, – uma obra inicialmente prevista no PNI 2030 – com recurso ao financiamento do Plano de Recuperação e Resiliência”. 

Por outro lado, a Circular a Aljustrel já tem verba destinada, e segundo o governante, a obra será concretizada, no âmbito do Plano Nacional de Investimentos (PNI).

O ministro disse, ainda, que “a Infraestruturas de Portugal está a proceder a manutenções e requalificação de estradas nacionais, tendo várias intervenções programadas para o Baixo Alentejo”.

A CIMBAL refere, ainda, que neste encontro, o ministro “registou as pretensões da ligação de Beja a Vila Verde Ficalho (fronteira) e do IC 27”, itinerário complementar do sul, que faz ligação entre Castro Marim e Alcoutim que, quando concluído, fará a ligação a Mértola e Beja, tornando-se, por via interior, uma alternativa à A2 e ao IC1.

Em relação à ferrovia, Pedro Nuno Santos frisou que “o troço Casa Branca – Beja já está previsto no PNI, com a obra a ser realizada em 2025, e já com verba certa”. Adiantou, também, que no troço “Beja – Funcheira” está a ser feito “o estudo de viabilidade”, e, de acordo com a CIMBAL “são de opinião que se deve fazer esta obra, pelo que deverão avançar com o projeto para a obra”.

Foi, ainda, tema da reunião o Aeroporto de Beja e as necessidades de boas ligações, tendo sido realçado “o facto de o país ter, em Beja, uma excelente infraestrutura à disposição”.

Sobre as acessibilidades digitais, o governante transmitiu a Jorge Rosa que “o ministério já identificou esta necessidade e que pretendem fazer os investimentos necessários em infraestruturas que cubram todo o Alentejo com fibra ótica”.

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
4
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades
8
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja

Recomendado para si

Aljustrel
24/05/2024
Câmara de Aljustrel vai doar valor da bilheteira da Feira do Campo às cinco IPSS do concelho
24/05/2024
Mértola promove mais uma Jornada da Caça
24/05/2024
Livro em festa na cidade de Serpa
Aljustrel
24/05/2024
Aljustrel promove leitura em mais uma Feira do Livro
24/05/2024
Encontro FitSénior reúne 280 seniores em Moura
24/05/2024
CCDR Alentejo inaugura novas instalações dos Serviços Regionais do Baixo Alentejo em Beja
Festival
24/05/2024
Festival do Caracol arranca em Cuba para três dias de animação
23/05/2024
Gonçalo Moreira defende apoios “adequados” para exigências ecológicas da PAC