Movimento “Chão Nosso” apresenta hoje Manifesto sobre ambiente

O Movimento “Chão Nosso” apresenta, esta quarta-feira, um Manifesto Público em defesa da cultura, património e biodiversidade do Alentejo.

“A agricultura intensiva que, nas últimas décadas, tem surgido pelos campos do Alentejo está a comprometer a vida naquele território”, lê-se no comunicado enviado às redações.

O Movimento entende, assim, “que devem ser acautelados os impactes que se começam a manifestar, na conservação do solo, na qualidade da água superficial e subterrânea, na saúde humana e na perda de biodiversidade e da identidade regional”.

A apresentação do Manifesto está prevista para as 18h30 n’ A Pracinha, Praça da República.