24°C
Clear sky

Municípios pedem esclarecimento à Autoridade de Proteção Civil

Municípios pedem esclarecimento à Autoridade de Proteção Civil

Os municípios do Baixo Alentejo concordaram em apoiar monetariamente a reparação da autoescada dos Bombeiros Voluntários de Beja.

Na última reunião da CIMBAL- Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, as Câmaras decidiram solicitar “esclarecimentos ao presidente da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil acerca da possibilidade desta entidade poder apoiar a reparação e em que montante”.

Após obterem essa informação, os municípios anunciam que vão apurar “qual a necessidade da verba remanescente e a forma de apoio”.

O equipamento já se encontra em reparação, sendo previsto estar concluída dentro de 14 semanas.

A reparação da autoescada está orçada em 60 mil euros.

PUB

PUB

PUB

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn

Farmácia de serviço hoje na cidade de Beja

Publicidade

Mais Lidas

1
Ourique
Incêndio fatal em Ourique: homem perde a vida aos 62 Anos
2
Ressonância
Hospital de Beja: A espera terminou, Ressonância Magnética chegou
Devemos acarinhar os eleitores do Chega? Não! Não podemos
4
Bombeiros
Polémica nos Bombeiros de Beja: Lista rejeitada responde a comunicado da direção 
5
Odemira
Alunas de Odemira brilham em competição de ciência em Itália
6
25 de Abril
50 anos de Abril: Catarina Eufémia, um símbolo da luta antifascista
7
agricultores
Agricultores que cortaram estrada em Serpa identificados pelas autoridades
8
roubos em Beja
Semana com ameaças, agressões e roubos em Beja

Recomendado para si

17/04/2024
GNR detém dois indivíduos na posse de armas proibidas
17/04/2024
OP de Castro Verde aumenta para 80 mil euros
17/04/2024
Beja promove interculturalidade
Odemira
17/04/2024
Odemira instala novos oleões pelo concelho
Aljustrel
17/04/2024
CPCJ de Aljustrel comemora 14º aniversário com conferência
Mértola
17/04/2024
Moradores do Centro Histórico de Mértola apresentam propostas de melhorias
16/04/2024
Viaturas incendiadas em Beja
16/04/2024
IPBeja e a Universidade de Luanda traçam novos rumos