Olivicultores convidam alunos das escolas a conhecerem olivais e lagares

A Associação de Olivicultores e Lagares de Portugal (Olivum) continua a desafiar os alunos do 1º ciclo das escolas do concelho de Beja a visitarem os olivais e lagares da região. A Associação quer que os mais novos percebam como é produzido o azeite do Alentejo.

No quadro do Programa de Sustentabilidade do Azeite do Alentejo, lançado em maio de 2022 e promovido pela Olivum em parceria com a Universidade de Évora, a associação pretende que os estudantes “contactem com a cultura e com o fruto, que vejam as técnicas usadas na produção da azeitona, desde a colheita até ao armazenamento e embalamento, assim como as práticas de sustentabilidade ambiental implementadas no olival e no largar”.

Gonçalo Almeida Simões, diretor-executivo da Olivum, sublinha que o feedback das visitas realizadas em 2022 é “muito positivo”.