Parceiros de projecto europeu de uso racional da água e energia estão reunidos

O Consórcio é formado por membros de cinco países e tem como parceiras várias associações de regantes como a Associação de Beneficiários da Obra de Rega de Odivelas (ABORO) e a Associação de Beneficiários do Roxo (ABROXO), no Baixo Alentejo.

O objectivo é desenvolver uma rede inteligente de gestão da rega que actuará de forma interactiva e integrada no uso racional da água e da energia.

Os resultados obtidos serão testados e avaliados em três regiões da União

Europeia abrangendo uma grande variedade de culturas, recursos hídricos e

mercados energéticos: Aragão (Espanha), Baixa Saxónia (Alemanha) e

Alentejo (Portugal).

De acordo com o consórcio “o sector agrícola é responsável por 30% do uso total de água na Europa, chegando aos 70% no uso total de água em vários países do Sul da Europa”.

Segundo a mesma fonte “nos últimos anos, a maioria dos esforços têm sido focados na eficiência da água sem ter em conta os aspectos da energia resultando, em alguns casos, num aumento significativo do consumo de electricidade”.

O Encontro tem início hoje em lisboa e termina na quarta-feira.

Além da reunião geral e discussão dos trabalhos, os participantes vão visitar dois locais de demonstração do projecto situados nos perímetros de rega da ABORO (Ferreira do Alentejo) e da ABROXO (Aljustrel), onde terão a oportunidade de conhecer os sistemas de distribuição e transporte de água para rega, as barragens, estações elevatórias, o perímetro de rega onde se localizam as explorações de demonstração e terão a oportunidade de falar, em pessoa, com os técnicos e os agricultores das Associações.