Somincor vai investir 260 milhões de euros em Neves-Corvo

A sociedade mineira Lundin Mining, que detém a Somincor, anunciou ontem um investimento de 260 milhões de euros para duplicar a produção de concentrado de zinco na mina de Neves-Corvo, em Castro Verde.

De acordo com a empresa, “a longevidade da mina de Neves-Corvo além de 2030 implica investimentos avultados e a possibilidade de incrementar a produção, sobretudo, de Zinco e também de chumbo que deverá duplicar nos próximos 10 anos”. A mesma fonte adianta que “o aumento de produção de cobre será marginal”.

A empresa prevê, durante a fase do Projecto Expansão do Zinco (PEZ) criar cerca de 350 postos de trabalho, num investimento previsto para 3 anos.

O projecto, que vai criar cerca de 1200 postos de trabalhos directos, foi apresentado ontem aos jornalistas por Kenneth Norris, administrador geral da Somincor.

Com este investimento a Somincor prevê que “representará cerca de 60% do volume de exportações do Baixo Alentejo e mais de 90% das do município de Castro Verde”.