Conceição Casa Nova eleita presidente da Assembleia Municipal de Beja

Conceição Casa Nova foi eleita, ontem, presidente da mesa da Assembleia Municipal de Beja. A primeira mulher a presidir a Assembleia substitui no cargo Fernando Romba, nomeado secretário-executivo da CIMBAL- Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo.

A eleição aconteceu na reunião extraordinária da Assembleia Municipal onde foi aprovado o Orçamento da Câmara de Beja para 2018 no valor de 33,8 milhões de euros.

Paulo Arsénio, presidente da Câmara de Beja, considera que se trata de um Orçamento de “rigor e transparência”.

Para 2018 são prioridades o aumento do valor das transferências para as freguesias do concelho e para os Bombeiros Voluntários de Beja. A Câmara vai apostar na recuperação urbanística. A autarquia promete uma intervenção “diferenciadora” no Mercado Municipal, nas Piscinas Descobertas e na Casa da Cultura.

O desporto, o Parque Habitacional e os arruamentos nas freguesias são outras prioridades.

A CDU absteve-se por considerar que o Orçamento “não introduz praticamente nada de novo em relação a 2017 e às políticas que já vinham a ser seguidas pelo anterior executivo CDU”.

Os comunistas apontam como negativo o facto do actual executivo “parar” projectos como a zona de expansão industrial, o Fórum Histórico de Beja, o Pavilhão Municipal de Desportos e a revitalização do Centro Histórico.