Mértola fala de caça e alimentação

Cumpre se hoje o segundo dia da IX edição da feira da caça de Mértola. Neste sábado a Sala Multiusos acolheu um colóquio subordinado ao tema caça e alimentação, presentes nesta conferência estiveram os investigadores do Campo Arqueológico de Mértola onde foram abordados vários temas relacionados com o consumo de caça no concelho. Em declarações à Rádio Pax, Virgilio Lopes, do Campo arqueológico da Vila Museu referiu que os estudos realizados até ao presente mostram que e
deste a Idade do Ferro que, o consumo de caça no concelho de Mértola é uma realidade que se mantém até aos dias de hoje.
Questionado sobre o trabalho desenvolvido ao longo destes últimos 40 anos, que este ano se assinalam, o arqueólogo salientou, que muito trabalho já foi feito e que o resultado é visível no crescente número de turistas nacionais e estrangeiros que cada vez mais escolhem Mértola como ponto de passagem.
Virgilio Lopes lamenta contudo a falta de apoios pois e segundo afirmou, muito foi descoberto mas muito há ainda por ser colocado à luz do dia.
Este colóquio inserido na IX edição da Feira da Caça de Mértola, é o resultado de um trabalho de pesquisa, reflexão e ação conjunta que visa implementar uma estratégia agroalimentar local e valorizar os produtos locais sendo que a caça está associada ao desenvolvimento sustentável dos territórios. A conferência teve o apoio do PROVERE Valorização dos Recursos Silvestres do Alentejo.