Ministra da Saúde de surpresa em Beja

A Ministra da Saúde, esteve, ontem, de surpresa em Beja para participar na sessão “Hospitalização Domiciliária- Balanço e Desafios 2020”, que decorreu no Centro Unesco.

Marta Temido apareceu sem avisar, para evitar possíveis confrontos com os movimentos da região. Apesar do segredo, acabou por ser abordada pela Comissão de Utentes de Beja.

À saída do Centro Unesco, a Comissão entregou à Ministra da Saúde um caderno com as reivindicações.

As exigências passam pela concretização da 2ª fase das obras de ampliação e remodelação do Hospital José Joaquim Fernandes, denunciar o ataque que o Serviço Nacional de Saúde está a sofrer e exigir a manutenção das valências e o reforço de meios técnicos, equipamentos e humanos”, refere Rui Eugénio da Comissão de Utentes de Beja.

O mesmo responsável relembrou que “o início da 2ª fase das obras de ampliação do Hospital já estavam contempladas no Orçamento de Estado de 2019”, no entanto nada foi feito.

A Comissão de Utentes diz ter conhecimento do tempo de espera que os utentes aguardam, nas urgências do Hospital de Beja, em macas até serem transferidos para os quartos.

Para Rui Eugénio, este é um “problema muito grave”.

A ocasião foi também aproveitada para pedir a Marta Temido, uma reunião, para debater a saúde hospitalar de Beja.

A Rádio Pax não foi informada da vinda da Ministra da Saúde, a Beja, ainda assim, esteve no local para abordar Marta Temido com algumas das questões que preocupam a região.

A Rádio Pax queria respostas a vários assuntos, entre os quais, a ampliação do Hospital de Beja, a construção do novo Centro de Saúde de Ourique e a contratação de mais médicos obstetras e ginecologistas para o Hospital José Joaquim Fernandes.

A nossa estação queria também confrontar a Ministra da Saúde sobre o tempo de espera dos doentes em macas nas urgências do Hospital.

A Rádio Pax sabe, através de familiares, que os doentes, em Beja, passam vários dias, em macas nas urgências até irem para os quartos.

Marta Temido recusou-se a falar à Rádio Pax.