“Sempre que o governo é do PS, o Baixo Alentejo avança” diz Pedro do Carmo

O Presidente da Federação do Baixo Alentejo do Partido Socialista reafirma, em comunicado, que “sempre que o governo é do PS, o Baixo Alentejo avança”.

Pedro do Carmo admite que “pode não ser ao ritmo e com a amplitude que desejávamos, mas há sinais concretos de avanços no caminho certo”.

O também deputado socialista cita o exemplo da semana passada em que a região recebeu a visita do Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, na inauguração da FACECO, em São Teotónio, Odemira, em Aljustrel, em Mértola e em Ourique, “num programa em que, em parte, foi acompanhado pelo Secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches, na concretização de iniciativas e projetos que reforçam a dinâmica económica do nosso território”, como a nova Central Solar.

Pedro do Carmo lembra ainda a presença da Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, em Moura e na Vidigueira para o apoio ao Plano Integrado de Desenvolvimento Turístico da Herdade da Contenda, em Moura, e ao projeto de Enoturismo da Adega Cooperativa da Vidigueira, Cuba e Alvito.

O presidente da Federação frisa que a semana ficou marcada pela afirmação do “potencial” do Aeroporto de Beja que acolheu, primeira vez em Portugal, um voo do maior avião de passageiros do mundo, o A380.

Pedro do Carmo considera “curioso que, enquanto o Aeroporto de Beja se afirmava mediaticamente no país, o Comité Central do PCP sublinhava em conferência de imprensa a importância da construção de um novo Aeroporto em Alcochete”.

No mesmo comunicado adianta que “uns não fizeram entre 2011 e 2015, tudo o que querem que se faça agora”, numa crítica dirigida ao PSD.